A “Guerra & Paz” diz: NÃO ao “trambolho linguístico”!

logotipoG&P«A Guerra e Paz Editores orgulha-se de lançar um livro que é também um apelo. Um apelo à desobediência, um apelo à acção contra um Acordo que é, afinal, um trambolho linguístico.»
[Citação de email promocional da Editora, a propósito de uma das suas últimas publicações.]

Perguntámos à Editora se este parágrafo poderia ser considerado como uma declaração de intenções quanto ao “acordo ortográfico” e se poderíamos adicionar o seu logótipo à nossa página “NÃO ao acordo“. Do Gabinete de Comunicação da “Guerra & Paz” recebemos as respostas, que foram, respectivamente, sim e sim.

O que duplamente se saúda, é claro.

logotipoG&P2

Print Friendly, PDF & Email
Share

Link permanente para este artigo: https://ilcao.com/2013/05/10/a-guerra-paz-editores-diz-nao-ao-trambolho-linguistico/

6 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Margarida Neves on 11 Maio, 2013 at 1:24
    • Responder

    Parabéns à Guerra e Paz por uma decisão corajosa que se impunha.

  1. E nós nos orgulhamos de ter uma editora assim.

    • Maria José Abranches on 11 Maio, 2013 at 16:50
    • Responder

    Que alegria! Totalmente desgraçado estaria este país, se os que vivem da e pela palavra escrita não entendessem o crime que o AO90 representa para o Português! Parabéns à editora “Guerra & Paz”, ao jornalista Pedro Correia, pelo seu “manifesto” em defesa da nossa língua, e a todos os que de igual modo desassombradamente se afirmam e assim se respeitam e nos respeitam!

    • Ana Isabel Buescu on 11 Maio, 2013 at 21:08
    • Responder

    … e vai-se alargando a tomada de consciência sobre o dito trambolho! Parabéns à Editora, como diz a minha Amiga Maria José Abranches, e ao Autor. A propósito, a apresentação do livro terá lugar no próximo dia 21 de Maio, 3ª feira às 18.30, na livraria Bertrand do Picoas Plaza, e contará com a presença de Pedro Mexia.

  2. Bravo! Bravo!

    Parabéns a esta editora.

    E um manto de vergonha para os mercenários dos dois maiores grupos editoriais portugueses, a começar pela Porto Editora.

    Comprarei o livro com certeza.

    • Jorge Teixeira on 14 Maio, 2013 at 18:32
    • Responder

    Vou comprar o livro, quanto mais não seja pelo serviço cívico que é dá-lo à estampa!

  1. […] do Acordo Ortográfico’, assinado pelo jornalista Pedro Correia e em boa hora editado pela Guerra & Paz, é óptimo pretexto para voltar a um tema caro e que nos está a sair caro a todos, mesmo os que […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.