Voluntariado (10)

tshirt-300x258Não sendo possível fazê-lo individualmente, aqui fica a 10.ª relação (ver as anteriores AQUI), à laia de homenagem ao esforço de todos e de cada um, de algumas das subscrições recolhidas por voluntários. Nesta relação – bem como nas anteriores – não se incluem, como é evidente, as de proveniência sob total anonimato de quem as recolheu e enviou. Caso tenha falhado alguma referência, é favor avisarem-nos por email.

Por questões de reserva de privacidade e de protecção da identidade, os nomes são referidos apenas pelas respectivas iniciais e localidade do remetente, indicando-se o total de assinaturas conseguidas por cada qual.


J.A.F., Aveiro, 37
U.S.O. (entidade), Oeiras, 3+5+5=13
M.P.T, Vila do Paço, 73
A.I.C, Faro, 14
M.J.A., Lagos, 27+18=45
M.E., S. Domingos de Rana, 10
A.I.B., Lisboa, 9+8+16+12=45
M.R.C., Portela de Sacavém, 8
P.R.C., Lisboa, 8 (v.e.)
A.A., Carcavelos, 8+4=12
J.R., Zambujal, 8 (v.e.)
A.E.S., Porto, 10
H.C., Setúbal, 10 (v.e.)
M.F.M. (FCSH), Lisboa, 9
J.M.S., Alfragide, 11+9=20
M.A.L., Alfragide, 8
A.S.T., Lisboa, 23
R.S., Serpa, 21
T.G.G., Salir (Loulé), 5+8=13
F.M.M., Setúbal, 9
G.M.C., Almada, 10


Bravo!
A Língua Portuguesa agradece.

O mínimo considerado tem sido geralmente de 8 assinaturas por voluntário.

Print Friendly, PDF & Email
Share

Link permanente para este artigo: https://ilcao.com/2013/03/02/voluntariado-10/

4 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • António Silva Torres on 22 Fevereiro, 2014 at 11:20
    • Responder

    Verifico com pesar que que, apesar das manifestações de intenção em contrário, a lista de “voluntariado” deixou há bastantes meses de ser actualizada. No meu caso são já duas as fornadas de impressos que não constam – quando estou a trabalhar numa terceira.
    Perante isto, pergunto-me se será de prosseguir o esforço de quase dois anos; e a luta de quase um quarto de século, desde que a execrável criatura começou a ser noticiada.

    António Silva Torres, Lisboa

    1. Caro @António Silva Torres, evidentemente, não podemos inventar remessas de assinaturas nem “fabricar” listas de voluntariado. A próxima lista está a ser feita (e dela constam os seus envios, evidentemente), mas ainda não tem os números suficientes para publicação, à semelhança das listas anteriores: pelo menos 12 nomes com pelo menos 8 subscrições cada; há casos de envios de 3 ou 4 ou 5 assinaturas e portanto ficamos à espera de mais, dos mesmos remetentes, para ir adicionando e assim ultrapassarem aquela barreira. Como deve compreender, estes sempre foram os critérios e portanto não seria curial mudá-los agora.

      Muito obrigado pelo seu apoio.

    • Maria José Abranches on 22 Fevereiro, 2014 at 13:36
    • Responder

    Caro António Silva Torres: por favor, não esmoreça! Esta luta é de cada um de nós também! Continue a recolher assinaturas e a enviá-las para a nossa ILC! Sei quanto custa andar de porta em porta a falar, a explicar e a deixar os impressos, para depois voltar – sabe-se lá quantas vezes – até obter o impresso preenchido e assinado! Precisamos “todos” do esforço de cada um de nós! E um imenso obrigada, pela parte que me toca nesta luta pela nossa língua materna!

    • Rui Valente on 23 Fevereiro, 2014 at 21:43
    • Responder

    Caro António Silva Torres,
    acredite que ninguém está mais interessado do que nós na publicação de uma nova lista de voluntariado. Mais do que qualquer outra notícia, estas listas são a prova de que este movimento está vivo e a recolha de assinaturas continua, graças ao esforço de cidadãos como o António Silva Torres, da própria Maria José Abranches e de muitos outros voluntários. No entanto, para que essa informação não se vire contra nós, é importante não baixar a fasquia, passando a dar relevo a toda e qualquer contribuição. Sendo certo que todas as subscrições são preciosas, o destaque deve ir, precisamente, para as que resultam do voluntariado e mostram o empenho de pessoas que fazem mais do que enviar a sua própria assinatura.
    Como compreenderá, é importante que esse destaque possa aparecer com uma quantidade razoável de assinaturas, pelo que é preferível esperar um bocadinho mais, resistindo à tentação de publicar uma lista extensa, mas com poucas assinaturas em cada nome.
    Acredito que a próxima lista de voluntariado, que já está feita em rascunho, possa ser publicada brevemente. Até lá, faço minhas as palavras da Maria José Abranches: não esmoreça. O António Silva Torres faz uma coisa que eu não seria capaz de fazer — já deixei muitos folhetos da ILC em caixas de correio mas, por feitio e por falta de tempo, não consigo voltar “ao local do crime”, uma e outra vez, para efectivamente recolher as assinaturas. Bem haja por isso!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.