Maria Filomena Molder subscreveu a ILC

Maria Filomena Molder

– Professora Catedrática do Departamento de Filosofia, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa.
– Membro do Instituto de Filosofia da Linguagem, U.N.L.
– Membro do Conselho Científico do Collège International de Philosophie, Paris.
– Coordenadora do Departamento de Filosofia, ano lectivo de 2006/2007.
– Membro do Conselho da Faculdade de Ciências Socias e Humanas, UNL

Doutoramento em 1992 sobre O Pensamento morfológico de Goethe.

Desde 1978, escreve sobre problemas de estética, enquanto problemas de conhecimento e de linguagem, para revistas de filosofia e de literatura, entre outras, Filosofia e Epistemologia, Prelo, Análise, Revista Ler, Sub-Rosa, A Phala, Internationale Zeitschrift für Philosophie, Philosophica, Revista Belém, Dedalus, Rue Descartes, Chroniques de Philosophie, La Part de l’Oeil. Desde 1980, participação em numerosos Colóquios e Congressos em Portugal e no estrangeiro. Desde 1984, escreve para catálogos e outras publicações sobre arte e artistas, portugueses e estrangeiros.

Principais publicações
Semear na Neve, Relógio d’Água, 1999, (prémio Pen-Club para o Ensaio 2000).
Matérias Sensíveis, Relógio d’Água, 1999.
A Imperfeição da Filosofia, Relógio d’Água, 2003.
O Absoluto que pertence à Terra, Edições Vendaval, 2005.
Símbolo, Analogia e Afinidade, Edições Vendaval, 2009.
O Químico e o Alquimista. Benjamin, leitor de Baudelaire, Relógio d’Água, 2011.

[Transcrição parcial de nota biográfica publicada no site do C.E.M. (Centro Em Movimento).]
[Fotografia retirada do site Storm Magazine.]

Subscreveu a ILC pela revogação do AO90 e participa activamente na organização de recolhas de assinaturas, tendo já enviado diversos impressos de 14 subscrições.

Nota: esta publicação foi autorizada pela pessoa visada.

Galeria de subscritores, militantes e apoiantes.

Print Friendly, PDF & Email
Share

Link permanente para este artigo: https://ilcao.com/2011/06/27/maria-filomena-molder-subscreveu-a-ilc/

1 comentário

    • Manuela Carneiro on 28 Junho, 2011 at 15:33
    • Responder

    A força das mulheres. Vamos lá…..;)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.