Lídia Franco subscreveu a ILC

Lídia Franco

Lídia Franco nasceu e vive em Lisboa e é actriz de Teatro e Cinema, sendo também conhecida (e reconhecida) pelo grande público pelas suas interpretações em programas e séries cómicas de Televisão.

Mais recentemente, tem sido presença activa nas redes sociais, nomeadamente no Facebook e no LinkedIn.

Apoiante firme e determinada desde a primeira hora, com diversas manifestações públicas de apoio à nossa iniciativa e de repúdio pelo AO90, subscreveu a Iniciativa Legislativa de Cidadãos pela revogação da entrada em vigor do Acordo Ortográfico de 1990.

[Foto (de autoria desconhecida) retirada do site Madame – Artist Management]

Maria Lídia Amado Franco (Lisboa, 23 de Março de 1944) é uma actriz portuguesa.
Lídia Franco começou a sua carreira artística como bailarina na Companhia Portuguesa de Bailado, no Grupo Experimental de Ballet da Fundação Calouste Gulbenkian e no Théatre Royal de la Monnaie, sob a direcção de Maurice Béjart.
Mais tarde optou pela frequência de um curso de teatro no British Theatre Association em Londres como bolseira do British Council e da Fundação Calouste Gulbenkian.
Tendo iniciado a sua carreira de actriz no Teatro Estúdio de Lisboa, viria a participar em espectáculos no Teatro de Animação de Setúbal, Teatro Experimental de Cascais, Grupo 4, Barraca, Comuna , Teatro Villaret, Acarte, Teatro Ibérico, Centro Cultural de Belém, Artistas Unidos, Teatro Trindade, Teatro Maria Matos, Teatro da Mala Posta , Cheltman Theatre em Inglaterra e Teatro Nacional D. Maria II , entre outros, em Espectáculos em Portugal , Espanha, Brasil, Venezuela, Bélgica, Inglaterra e Canadá.
No cinema trabalhou, entre outros, com os realizadores Manuel Guimarães, Arthur Duarte, Perdigão Queiroga , Henrique Campos, João César Monteiro, António-Pedro Vasconcelos, António da Cunha Teles, Lauro António, António Macedo, Eduardo Geada, Manoel de Oliveira, António de Macedo, Carlos Vasconcelos, Joaquim Sapinho, João Canijo, João Botelho, Manuel Carvalheiro, Phillipe Clair, Chritian Jacques, Michel Serrault, Frank Apprederis, Celan Jones, Christian Binet, Robert Mazoyer, Jacques Webber, Alain Tanner e Ivo Ferreira.
Obteve o Prémio de Interpretação em Televisão e Prémio de Interpretação em Rádio, no colectivo dos programas de Herman José e o Prémio Actriz Revelação pelo Programa O Tal Canal, , atribuídos pelo semanário “Sete” e a revista “Nova Gente”; o Prémio Homenagem no 1º. Festival do Filme Histórico, na Batalha, em 1993. Foi nomeada para o Prémio de Melhor Actriz de Ficção e Comédia nos Globos de Ouro 2001 da SIC e recebeu o Prémio Verdade da “Revista Eles e Elas” em 2002. Foi ainda membro do Júri do Festival Internacional de Cinema De Tróia
Em 1965 ficou classificada em 2º lugar no Brasil na eleição de “Miss Objectiva 1965” (in “Crónica Feminina” nº 469 de 18/11/1965).

[Transcrição da entrada Wikipedia sobre Lídia Franco]

Nota: esta publicação foi autorizada pelo/a subscritor/a.

Print Friendly, PDF & Email
Share

Link permanente para este artigo: https://ilcao.com/2011/01/27/lidia-franco-subscreveu-a-ilc/

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.