Uma Língua fora de jogo

Braid_1Este artigo não é só para “gamers”. Mas eles, mais do que ninguém, reconhecem este cenário: ao abrir pela primeira vez um jogo no computador ou numa consola, o jogo pergunta-nos em que Língua queremos jogar. Quando só existem duas ou três opções o jogo limita-se geralmente ao Inglês, Francês e Espanhol. Mas se tivermos cinco ou seis alternativas, é possível que o Português seja uma delas. Excelente? Nem por isso. Na grande maioria dos casos, “Português” corresponde a “Português do Brasil”. A Sony/Playstation é a pior neste capítulo. Tudo vem em “brasileiro” e não me refiro apenas à ortografia. Sintaxe, vocabulário, tudo é Português do Brasil.

Para quê fazer duas traduções? Agora até há um acordo ortográfico e tudo!

É por isso que não posso deixar de enaltecer aqui a opção da Hothead Games, criadores de Braid.

Braid é um jogo de plataformas aclamado por várias revistas da especialidade. “Editor’s Choice” na App Store, Braid é um jogo de puzzles imaginativos num cenário deslumbrante. Mas a maior surpresa vem com a sua instalação — o jogo está disponível em Inglês, Alemão, Espanhol, Italiano e Português (e três línguas orientais cujos caracteres não consigo identificar). Escolho “Português” como opção, imaginando que, mais uma vez, teria de voltar atrás e passar para Inglês.

Então não é que “Português” é, muito simplesmente… Português? Português Europeu, sem Acordo Ortográfico.Braid_2

Infelizmente, não tenhamos ilusões. Esta é, claramente, uma situação de excepção. A situação já era dramática antes do AO90 e, se não revogarmos rapidamente este “acordo”, jogos como “Braid” vão ser cada vez mais raros.

P.S.: não, não me parece que haja uma palavra portuguesa para “gamer”.

Rui Valente

Print Friendly, PDF & Email
Share

Link permanente para este artigo: https://ilcao.com/2014/11/22/uma-lingua-fora-de-jogo/

2 comentários

    • Ricardo Morais on 22 Novembro, 2014 at 4:06
    • Responder

    Por norma não gosto de utilizar software ou jogos em português. Já estou habituado à tradução ser em brasileiro e não português ou ser simplesmente horrível. Também acontece quem nós em português não temos ou não usamos termos próprios para várias palavras técnicas em inglês o que origina aos tradutores a irem buscar palavras brasileiras mesmo em textos pt-PT.

    Recentemente estive a ver o jogo “This War of Mine”, e embora não exista uma opção de idioma em pt-PT, fiquei feliz por ver lá a opção de idioma «Brasileiro». Fiquei feliz porque o pt-BR não estava lá a fazer-se passar, pelo menos para os utilizadores do português Europeu, como a única variante de português que existe. E também achei bem estar lá de forma orgulhosa como se até fosse a sua própria língua e não simplesmente uma variante do português. O chamado «Português do Brasil». A utilização da palavra «Brasileiro» ajuda assim a mostrar o tamanho da diferença que existe entre o pt-PT e o pt-BR.

    • Jorge Teixeira on 28 Novembro, 2014 at 15:44
    • Responder

    “Gamer” -> Jogador? 🙂

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.